[RESENHA] Diga Sim ao Marquês – Tessa Dare

Diga Sim ao MarquêsTítulo:  Diga Sim ao Marquês – Castles Ever After #2
Autora: Tessa Dare
Editora: Gutenberg
Páginas: 288
Classificação: 5/5 ❤ favorito
Adicione: Skoob
Compre: Amazon | Saraiva | Submarino

Aos 17 anos, Clio Whitmore tornou-se noiva de Piers Brandon, o elegante e refinado Marquês de Granville e um dos mais promissores diplomatas da Inglaterra. Era um sonho se tornando realidade! Ou melhor, um sonho que algum dia talvez se tornasse realidade… Oito anos depois, ainda esperando o noivo marcar a data do casamento, Clio já tinha herdado um castelo, tinha amadurecido e não estava mais disposta a ser a piada da cidade. Basta! Ela estava decidida a romper o noivado. Bom… Isso se Rafe Brandon, um lutador implacável e irmão mais novo de Piers, não conseguir impedi-la. Rafe, apesar de ser um dos canalhas mais notórios de Londres, prometeu ao irmão que cuidaria de tudo enquanto ele estivesse viajando a trabalho. Isso incluía não permitir que o Marquês perdesse a noiva. Por isso, está determinado a levar adiante os preparativos para o casamento, nem que ele mesmo tenha que planejar e organizar tudo. Mas como um calejado lutador poderia convencer uma noiva desiludida a se casar? Simples: mostrando-lhe como pode ser apaixonante e divertido organizar um casamento. Assim, Rafe e Clio fazem um acordo: ele terá uma semana para convencê-la a dizer “sim” ao Marquês. Caso contrário, terá que assinar a dissolução do noivado em nome do irmão. Agora, Rafe precisa concentrar seus punhos e sua força em flores, bolos, música, vestidos e decorações para convencer Clio de que um casamento sem amor é a escolha certa a se fazer. Mas, acima de tudo, ele precisa convencer a si mesmo de que não é ele que vai beijar aquela noiva.

O que mais, não é mesmo? Não é como se nós, mulheres, tivéssemos permissão para ter nossos próprios interesses ou carreiras.

Diga Sim ao Marquês é o segundo volume da série Castles Ever After escrito por Tessa Dare. Essa autora tem me conquistado enormemente, e nesse livro ficamos envolvidos por um romance proibido, desentendimentos, mocinha poderosa e um lutador rebelde capaz de amolecer o coração de qualquer leitora. No livro que foi publicado pela editora Gutenberg, vamos conhecer Clio Whitmore, que ao receber um grande castelo de herança, vê a oportunidade perfeita de se tornar independente e acabar de vez em ser a piada da cidade. 

Clio Whitmore aos dezessete anos tornou-se noiva do pretendente mais promissor da época, o Marquês de Granville. Piers Brandon é elegante e refinado, sonho de qualquer moça, inclusive o de Clio. Acontece que oito anos se passaram, e Clio se tornou piada para a sociedade por não ter se casado ainda com o grande Marquês, que nem ao menos mostra interesse pela moça, vivendo apenas em missões misteriosas pela Inglaterra. Quando Clio recebe um castelo de herança, ela vê a oportunidade de desfazer o noivado, conseguir independência e ainda estabilidade financeira por ser uma propriedade rica. Mas não estava em seus planos encarar Rafe Brandon, o irmão mais novo do marquês, um lutador e libertino que tem seus próprios interesses para convencer a Clio que ela não deve se desfazer do noivado. Rafe propõe um acordo, em uma semana ele tentara convencer a Clio de que se deve casar com Piers, mas se ele fracassar, assinará a dissolução do noivado na ausência do irmão. Acontece, é que Clio e Rafe se conhecem desde infância, e nunca perceberam o quanto eles se gostam, até Rafe passar um tempo no castelo de Clio trazendo flores, bolos e vestidos para um casamento no qual Rafe já não tem mais tanta certeza se quer que aconteça.

DIGA SIM AO MARQUES

Não eram bolos que ele desejava. Era isso. Aquela proximidade. Aquela maciez. A doçura que não vinha do açúcar, mas dela. Só dela. Cada fiapo de sua consciência gritou para que ele lembrasse de sua carreira. Que pensasse no irmão. Que, pelo amor de Deus, saísse de cima dela. Mas ela era tão encantadora e linda — e não era só doce, tinha um toque picante na quantidade perfeita.

Diga Sim ao Marquês tem uma história totalmente encantadora, me vi apaixonada pelos personagens e principalmente por Rafe Brandon que viveu na sombra do irmão mais velho até tomar a atitude em sair de casa para se tornar um lutador. Além disso, percebe-se que ele é um personagem sofrido e rejeitado, então não sabe como agir diante de Clio que sempre o viu como amigo. Já Clio Whitmore, é uma mulher determinada a cumprir seus desejos, independente do que a sociedade vai pensar, gostei muito dela no decorrer da leitura. O casal tem muita química, e o romance proibido só torna a trama mais interessante, afinal, Rafe estava tendo desejos pela noiva do irmão.

Como no livro anterior, a maior parte da história se passa dentro do castelo. Os personagens secundários são maravilhosos e divertidos, com exceção de uma das irmãs de Clio. O romance está presente o tempo todo na trama, os pequenos detalhes de cavalheirismo de Rafe com Clio é encantador, mesmo sendo o Rafe um bruto no sentido de ele ser um lutador. Amei como Tessa Dare desenvolveu a história, pois não há mocinhas indefesas, mas sim mulheres fortes, homens brutos apaixonados e irmã(o) que atrapalham o relacionamento, uma trama perfeita para prender o leitor.

E suma, o desfecho não poderia ser melhor, Tessa Dare encontrou uma saída para que nós leitores não odiassem tanto o Piers, no final até acabei gostando dele – mas não muito – a autora transforma romances de épocas apaixonantes em histórias cheias de dramas onde o leitor fica em duvida do que vai acontecer na próxima cena. O final é previsível, como todos romances do gênero, mas ainda sim a autora consegue trazer surpresa para o enredo.

Melhor Quote:
O amor tem um jeito de surpreender o homem. Eu me arrisco a dizer que o amor tem que surpreender o homem. Pois, se nós víssemos o amor se aproximando, sairíamos correndo.

Primeira frase: 
Oh, Srta. Whitmore. Olhe só que lugar horroroso.

Última Frase: 
Vou lhe mostrar o que é sinceridade.

Anúncios

2 comentários sobre “[RESENHA] Diga Sim ao Marquês – Tessa Dare

  1. Mulher eu nem sou tão fã de romances de época, mas essa resenha me conquistou. Eu adoro romances proibidos e quando o casal dá gosto de ver então ❤ Amei a resenhas, amei a foto e espero liberara espaço para ler essa série!

    Beijão,
    Querida Cretina

    Curtir

  2. Mais uma resenha maravilhosa, amando saber que você está gostando dessa série. A cada resenha dia que leio, fico ainda mais empolgado para inciar a leitura o quanto antes. Beijos!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s